OS VERDADEIROS DIABOS VERMELHOS DO EUROVOLLEY

A Selecção Nacional de Seniores Masculinos venceu hoje, por 3-2 (25-23, 25-22, 20-25, 18-25 e 15-13), a Bélgica e passou a ocupar na classificação da Pool A do Campeonato da Europa de Seniores Masculinos 2021 um dos lugares que lhe interessam, dando um passo de gigante no caminho para a qualificação para os oitavos-de-final.
Embora este tenha sido apenas o segundo de cinco jogos que terá de disputar na Pool A, o facto de ter vencido um adversário directo tão forte como a Bélgica abre boas perspectivas a Portugal, que pode agora gerir melhor os três compromissos que lhe faltam cumprir: com a Ucrânia já depois de amanhã (16h30/Sport TV), a Sérvia, campeã em título, e a Grécia, sendo que os jogos com os ucranianos e os gregos são claramente decisivos para as suas aspirações.

Bélgica x Portugal, 2-3 (23-25, 22-25, 25-20, 25-18 e 13-15)

1.º Set
Num set muito bem jogado por Portugal, sobretudo no side-out, o destaque vai para a magia espalhada por Miguel Tavares Rodrigues. O distribuidor português abriu a contagem do marcador com um bloco e deu sempre o melhor seguimento à boa recepção dos portugueses, iludindo o bloco dos belgas e facilitando a vida ao ataque lusitano.
Portugal comandou sempre o marcador até aos 20 pontos, altura em que um bloco do central Wout D’Heer deu pela primeira vez vantagem àqueles que são apelidados de diabos vermelhos.
Um dos dois serviços directos conseguidos por Miguel Rodrigues recuperou a liderança pontual, selada com um ataque de Alexandre Ferreira: 25-23.

2.º Set
Um set onde mais uma vez a recepção (e defesa) comandada pelo libero Ivo Casas fez a diferença ao permitir que Miguel municiasse o ataque luso nas melhores condições. Aí, o capitão Alex Ferreira assumiu as funções de artilheiro de serviço e voltou a selar o resultado (25-22), novamente com um ataque, somando o seu 15.º ponto no jogo.

3.º Set
Um set dominado pela Bélgica. No tudo por tudo para não perder o jogo, Fernando Benitez, o treinador espanhol que orienta os belgas, trocou de oposto, tirando Hendrik Tuerlinkx e fazendo entrar Bram Van Den Dries, conseguindo assim melhorar sensivelmente a eficácia no ataque e defesa alta.
A vencer por 18-13, a Bélgica assistiu à reacção dos portugueses, com um bloco de Miguel Tavares Rodrigues a aproximar os números do marcador (18-16). Contudo, os belgas souberam manter o discernimento e voltar a ganhar uma vantagem substancial (20-16), o que acabaria por lhes dar a vitória: 25-20.

4.º Set
A equipa orientada por Hugo Silva entrou bem neste parcial, liderando até aos 12 pontos. Contudo, depois deixou crescer em demasia o seu adversário, que foi ganhando confiança e traduzindo a sua superioridade em certos fundamentos do jogo numa vantagem que, na recta final do set, era já de cinco pontos (22-17) e praticamente impossível de anular. Resultado: vitória da Bélgica por 25-18.

5.º Set
A Bélgica entrou melhor neste set decisivo, com Matthijs Verhanneman a rubricar, no ataque e bloco, quatro pontos que galvanizaram a sua equipa(7-4).
Os portugueses tremeram mas não caíram, equilibrando o jogo com ataques desferidos pelos seus centrais (9-9). Dois blocos de Marco Ferreira a Verhanneman impulsionaram Portugal, que selou o seu primeiro triunfo no EuroVolley com um bloco de Miguel Tavares Rodrigues a… Verhanneman: 15-13.

O belga Sam Deroo cotou-se como o melhor pontuador, com 23 pontos, apenas mais dois  do que Alexandre Ferreira. Ver estatística aqui

A Selecção Portuguesa mede forças com as suas congéneres da Polónia, Bélgica, Sérvia, Ucrânia e Grécia na Pool A da fase de grupos do Campeonato da Europa de 2021.

Nos outros jogos da Pool A (Cracóvia) disputados hoje, a Ucrânia venceu (3-2) a Grécia e a Sérvia derrotou (3-1) a Bélgica.

Calendário e horário dos jogos da Selecção Nacional de Seniores Masculinos / directos na Sport TV:

Campeonato da Europa 2021

Calendário da Pool A – 1.ª Fase
(Cracóvia – Polónia/Hora de Portugal)

Dia 2 de Setembro
13h30 – Grécia x Ucrânia, 2-3
16h30 – Polónia x PORTUGAL, 3-1
19h30 – Bélgica x Sérvia, 1-3

Dia 3 de Setembro
16h30 – Bélgica x PORTUGAL, 2-3
19h30 – Ucrânia x Sérvia, 0-3
Folgam: Polónia e Grécia

Dia 4 de Setembro
16h30 –Bélgica x Grécia
19h30 – Sérvia x Polónia
Folgam: Portugal e Ucrânia

Dia 5 de Setembro
16h30 – PORTUGAL x Ucrânia
19h30 – Grécia x Polónia
Folgam: Sérvia e Bélgica

Dia 6 de Setembro
16h30 – PORTUGAL x Sérvia
19h30 – Polónia x Bélgica
Folgam: Ucrânia e Grécia

Dia 7 de Setembro
16h30 – Sérvia x Grécia
19h30 – Ucrânia x Bélgica
Folgam: Portugal e Polónia

Dia 8 de Setembro
16h30 – Polónia x Ucrânia
19h30 – Grécia x PORTUGAL
Folgam: Sérvia e Bélgica

Os jogos do Europeu 2021 serão transmitidos em directo no EuroVolley.TV (CEV) e na Sport TV

Comitiva Portuguesa

Team Manager – Carlos Prata
Seleccionador Nacional – Hugo Silva
Treinador Adjunto – Filipe Vitó
Scouter – João Santos
Médico – Ricardo Aido
Fisioterapeuta – Fábio Gonçalves
Jornalista – Murilo Augusto (Social Media FPV)

Convocatória (14 jogadores*)

Miguel Rodrigues (Cuprum Lubin/Polónia) – Distribuidor
Tiago Violas (SL Benfica) – Distribuidor

Phelipe Martins (Leixões SC) – Central
Miguel Sinfrónio (SL Benfica) – Central
Filip Cveticanin (SC Espinho) – Central
José Pedro Andrade (Esmoriz GC) – Central

Alexandre Ferreira (Seoul Woori Card Wibee VB/Coreia do Sul) – Zona 4
André Lopes (SL Benfica) – Zona 4
Lourenço Martins (SAEMS Tourcoing/França) – Zona 4
André Marques (Castêlo da Maia GC) – Zona 4

Marco Ferreira (Al Jazira SC/Emirados Árabes Unidos) – Oposto
Hugo Gaspar (SL Benfica) – Oposto

Gil Meireles (Sporting CP) – Libero
Ivo Casas (SL Benfica) – Libero

*Clubes em 2020/2021

Pool A, que tem sede na cidade polaca de Cracóvia, cruza nos oitavos-de-final com a Pool C, a disputar na cidade finlandesa de Tampere, grupo que é formado pelas selecções de Finlândia, Rússia, Holanda, Turquia, Espanha e Macedónia.

Para além da Selecção Nacional, destaque para a presença no EuroVolley 2021 de outro representante do nosso País, o internacional Ricardo Ferreira, que integra a equipa de arbitragem nomeada para a competição (inicialmente na Pool B, na República Checa).

Quanto às selecções, são 24 as que conquistaram o direito de disputar, de 1 a 19 de Setembro, a fase final do Campeonato da Europa de Seniores Masculinos 2021.
Às 12 selecções com participação previamente assegurada, 4 como organizadores (Estónia, Finlândia, Polónia e República Checa) e 8 como resultado da classificação alcançada na última edição da competição (Sérvia, Eslovénia, França, Rússia, Itália, Ucrânia, Alemanha e Bélgica), juntaram-se depois Holanda, Croácia (1.ª e 2.ª classificadas na Pool A), Bulgária (Pool B), Turquia, Macedónia (Pool C), Letónia, Espanha (Pool D), Eslováquia (Pool E), Montenegro, Grécia (Pool F), Portugal e Bielorrússia (Pool G).

Portugal e Bulgária foram as únicas selecções que venceram todos os jogos disputados na fase de qualificação. Ver mais informações aqui

Pela segunda vez na história da competição, o EuroVolley contará com 24 selecções participantes. Polónia, República Checa, Finlândia e Estónia encabeçam as pools que acolhem, respectivamente A, B, C e D.

Nos oitavos-de-final (11 a 13 de Setembro), os quatro primeiros classificados da Pool A defrontam os quatro primeiros da Pool C (1.º A x 4.º C, 2.º A x 3.º C, 3.º A x 2.º C e 4.º A x 1.º C) e os quatro melhores da Pool B enfrentam os da Pool D (1.º B x 4.º D, 2.º B x 3.º D, 3.º B x 2.º D e 4.º B x 1.º D).

Os quartos-de-final (14 e 15 de Setembro) serão disputados nas cidades de Gdansk (Polónia) e Ostrava (República Checa).

A Polónia receberá em Katowice as meias-finais (18 de Setembro) e o jogo de atribuição dos 3.º e 4.º lugares e Final do EuroVolley 2021 (19 de Setembro).

**Participações de Portugal na fase final do Campeonato da Europa:

1948 (Itália) – 4.º lugar (número reduzido de equipas por convite)
1951 (França) – 7.º lugar (número reduzido de equipas por convite)
2005 (Itália/Sérvia e Montenegro) – 10.º lugar
2011 (Áustria e República Checa) – 14.º lugar
2019 (Bélgica/Eslovénia/França/Holanda) – 20.º lugar

Partilhar: