SUB-17 TURCOS APURAM-SE SÓ COM VITÓRIAS

Fotos: Jorge Marques/FPV/CEV

A Turquia venceu hoje Portugal por 3-0 (25 – 10, 25 – 20, 25 – 19) e qualificou-se directamente para a fase final do Campeonato da Europa de Sub-17. O passaporte para a Albânia foi carimbado só com vitórias e mostrou a força da equipa turca.

Num jogo que não teve muita história, tal a superioridade da equipa turca, o possante oposto e capitão da Turquia, Dogan Karakoç, voltou a ser o melhor pontuador, com 28 pontos individuais (com cinco blocos e outros tantos serviços), enquanto Francisco Mendes, com 9, foi o português mais concretizador.

No final, obviamente satisfeito, Ali Kazim Hidayetoglu, Treinador adjunto da Turquia, salientou:
Era um jogo muito importante para nós e jogámos muito bem. Estamos todos de parabéns, equipa técnica e jogadores, pois conseguimos fazer aquilo que tínhamos planeado.
Na final do Europeu, esperamos jogar bem e ir evoluindo ao longo da competição“.

Nuno Pereira, Treinador de Portugal:
A Turquia tinha um objectivo perfeitamente definido, que era garantir a presença no Campeonato da Europa e apresentou-se hoje com o mesmo seis que utilizou ao longo do torneio e que é muito forte. A nossa equipa sente muitas dificuldades em defrontar adversários com as características físicas da Turquia, jogadores altos e fortes. No segundo set, os nossos jogadores ganharam mais confiança e o jogo tornou-se menos desnivelado“.

Todas as informações aqui e em FPVoleibol.pt/eurovolley2021/

Austríacos continuam a acreditar

Tal como a Turquia, a Áustria também saiu feliz de Viana do castelo, já que conseguiu vencer a Espanha pela margem máxima (3-0: 26-24, 25-23 e 25-17) e assim manter-se na corrida à fase final do Campeonato da Europa.

Num jogo extremamente equilibrado nos dois primeiros sets, a Áustria conseguiu superiorizar-se com a eficácia do bloco e a agressividade do serviço.
Os espanhóis bateram-se sempre pela vitória, claudicando apenas nos momentos decisivos e somente no terceiro set é que baixaram os braços…

Benedikt Sablatnig, capitão austríaco, e o espanhol Efren Morales Real foram os melhores pontuadores, respectivamente com 17 e 13 pontos.

Carlos Carreno Cejudo, Treinador da Espanha:
Era um jogo de nervos, daí que era muito importante entrar a vencer. Tivemos hipóteses de vencer o primeiro set, pois estivemos à frente por 24-20. Não conseguimos e depois disso tornou-se difícil recuperar a equipa psicologicamente. No segundo set, voltámos a ter hipóteses de vencer, mas no terceiro, o nível da Áustria foi muito alto para nós. Parabéns, pois mereceram a vitória“.

Andreas Reiser, Treinador adjunto da Áustria:
Entrámos bem no jogo, mas perdemos um pouco a concentração devido ao nervosismo e isso criou-nos algumas complicações. De qualquer forma, conseguimos vencer o primeiro set, com alguma sorte, é verdade, e no segundo chegámos a liderar por oito pontos e terminámos com dois de vantagem. No terceiro set, os jogadores, que sempre quiseram acima de tudo estar na fase final, mostraram todo o seu potencial. Fizemos tudo o que podíamos, vencendo dois jogos por 3-0 e agora não está nas nossas mãos, mas esperamos conseguir a qualificação como o segundo melhor classificado de todas as pools“.

Apuram-se para a fase final do Europeu de Sub-17 masculinos (a disputar na Albânia) os vencedores das cinco pools e os dois melhores segundos classificados.

Jogos – Viana do Castelo

5.05.2021
17h00 – Áustria x Turquia, 2-3
20h00 – Portugal x Espanha, 1-3

6.05.2021
17h00 – Turquia x Espanha, 3-0
20h00 – Áustria x Portugal, 3-0

7.05.2021
17h00 – Espanha x Áustria, 0-3
20h00 – Turquia x Portugal, 3-0

Selecção Nacional de Sub-17 Masculinos

Equipa Técnica

Seleccionador – Nuno Pereira
Treinador Adjunto – Leandro Antunes
Treinador Adjunto – Diogo Rosa
Fisioterapeuta – César Natário

Os 12 convocados

Gustavo Sousa – Libero (Esmoriz GC)
Jorge Marques – Distribuidor (AA Espinho)
Manuel Catarino – Central (AA S. Mamede)
Miguel Morais Pereira – Central (AA S. Mamede)
José Rafael Oliveira – Zona 4 (VC Viana)
Rafael Esperanço – Central (Esc. Latino Coelho)
Francisco Mendes – Zona 4 (SC Espinho)
Miguel Pedrosa – Zona 4 (SC Espinho)
Diogo Fevereiro – Distribuidor (CV Oeiras)
João Salgueiro – Libero (VC Viana)
Tiago Graça – Zona 4 (CD Póvoa)
Leonardo Pereira – Zona 4 (SC Espinho)

Partilhar: