08-JANEIRO-2019
PORTUGAL x GEÓRGIA
AMANHÃ (20H00) EM GONDOMAR

A Selecção Nacional de Seniores Femininos, liderada por Rui Moreira, defronta amanhã, pelas 20h00 (em directo na Sport TV), no Multiusos de Gondomar, a sua congénere da Geórgia, no último jogo da Pool D da fase de apuramento para o Campeonato da Europa, competição que se realiza pela primeira vez em quatro países: Polónia, Turquia, República Checa e Hungria, de 23 de Agosto a 8 de Setembro de 2019.

Pontos-chave no Portugal vs Geórgia:

. A Geórgia vem de uma derrota (2-3) em casa, com a Dinamarca, última classificada, e Portugal de um resultado negativo averbado em França que o impediu de continuar a lutar pela liderança da Pool D.
. Portugal e Geórgia defrontam-se (20h00/Sport TV) com a sua situação classificativa já bem definida. Portugal é 2.º classificado e está já apurado para a fase final do Europeu; a Geórgia só perderá o 3.º lugar caso saia derrotada do jogo de Gondomar e a Dinamarca vença a ainda invicta França.
. Na primeira vez que se defrontaram, Portugal venceu com inesperada facilidade (3-0: 25-11, 25-11 e 25-16) na capital georgiana, Tbilissi.
. Ann Kalandadze, que se lesionou no primeiro set do jogo da 1.ª volta com Portugal, rubricou 21 pontos frente à Dinamarca, enquanto Marta Hurst foi a portuguesa mais concretizadora frente às gaulesas, com 13 pontos.

Rui Moreira, Treinador de Portugal, reconhece:
""Após o jogo com a França, o nosso ponto de partida inicial foi fazer uma análise ao nosso desempenho individual e colectivo. Aproveitamos os dois últimos dias de trabalho para corrigir essas debilidades e introduzir algumas estratégias para jogar contra a Geórgia.
A primeira coisa que temos de compreender, para este jogo, é que individualmente e colectivamente, somos superiores ao adversário, temos de aceitar e assumir esse favoritismo, e com muita responsabilidade e rigor não permitir baixar o nosso nível de jogo. Primeiro, para confirmar que a exibição que fizemos em França foi mais um momento de crescimento
individual e colectivo; depois porque jogamos em casa e também o público precisa de ser cativado e conduzido a acompanhar a modalidade.
A Geórgia é uma equipa que assenta o seu jogo maioritariamente em duas jogadoras (uma central e uma zona 4), estamos preparados para isso, assim como fizemos um estudo profundo dos comportamentos da distribuidora e da sua linha de bloco.
Esperamos fechar esta participação nesta Fase de Apuramento com um resultado bastante positivo".

O jogo com a líder França foi um teste à força lusitana:
"O jogo com a seleção francesa teve dois momentos distintos: os dois primeiros terços do set e o terço final. Demonstrámos que estes dois dias de trabalho trouxeram alguns frutos técnicos e tácticos (individuais e coletivos) e, acima de tudo, conseguimos apresentar-nos dentro de campo
predispostos para lutar contra as adversidades e dificuldades.
Comandámos todos os sets, em todos chegámos na frente aos 23-21, mas faltou agressividade, mentalidade e hábito de jogar para ganhar a este nível, para que nos momentos finais de sets, quando o marcador está próximo, tenhamos estabilidade para assumir a responsabilidade de ganhar os sets e os jogos.
A Seleção Francesa, individualmente, apresenta argumentos nas pontas superiores aos nossos, mas a utilização do corredor central do campo (central e pipe), assim como a distribuição da nossa equipa, tem argumentos superiores. Tentámos vencer o jogo por aí, era essa a nossa estratégia e,
na maioria das vezes que foi utilizada, surtiu efeito.Penso que a ordem dos jogos, se estivesse invertida no calendário, teríamos apresentado argumentos ainda maiores, pois para além de podermos utilizar um primeiro jogo para nos prepararmos também iriamos ganhar mais alguns
dias de trabalho".

O Portugal x Geórgia será arbitrado arbitrado por Antonio Fernando Correa Benitez (Espanha) e Iris Stojcic (Israel).
Ver mais informações aqui e aqui

A Selecção Nacional já está apurada para o Europeu 2019, independentemente do resultado com a Geórgia.
As portuguesas ocupam o segundo lugar na Pool D, com 9 pontos, menos seis pontos que as invictas francesas, mais cinco do que as georgianas e mais sete que as dinamarquesas.
Apuram-se as duas primeiras classificadas de cada grupo.

Convocadas (12 jogadoras)

DISTRIBUIDORAS
Vanessa Rodrigues (AVC Famalicão)
Ana Couto (Leixões SC)

ZONAS 4
Marta Hurst (La Laguna / Espanha)
Bárbara Gomes (AVC Famalicão)

CENTRAIS
Aline Timm (AVC Famalicão)
Eduarda Duarte (Leixões SC)
Amanda Cavalcanti (Pedro E. Lobato)

OPOSTAS
Ana Vale
Maria Maio (CF «Os Belenenses»)
Carla Sousa (Leixões SC)

LIBEROS
Joana Resende (AVC Famalicão)
Beatriz Basto (Leixões SC)

A comitiva portuguesa, chefiada por Arnaldo Rocha, Director da FPV, é formada por Rui Moreira (Treinador Principal), Luís Andrade (Treinador Adjunto) e Gabriel Nunes (Fisioterapeuta).

Este ano, a Selecção Nacional de Seniores Femininos irá também disputar a Silver European League.

Na European Silver League 2019, as portuguesas vão defrontar, na Pool B, a Eslovénia, a Grécia e a Estónia.
A Pool A é formada por Roménia, Geórgia, Israel e Chipre, selecções teoricamente mais acessíveis.
Apuram-se para a Final Four a selecção do país organizador, os dois primeiros classificados de cada Poule e ainda o 2.º melhor classificado.

A competição realiza-se de finais de Maio a finais de Junho de 2019:

25/26.05.2019
PORTUGAL x Grécia
Eslovénia x Estónia

29.05.2019
Grécia x Eslovénia
PORTUGAL x Estónia

1/2.06.2019
Grécia x PORTUGAL
Estónia x Eslovénia

8/9.06.2019
PORTUGAL x Eslovénia
Estónia x Grécia

12.06.2019
Eslovénia x PORTUGAL
Grécia x Estónia

15.06.2019
Estónia x PORTUGAL
Eslovénia x Grécia

28/29.06.2019
Final Four - Organizador a definir

Informações adicionais: www.cev.lu / www.fivb.com 

 
PARTILHA ESTE ARTIGO NAS REDES SOCIAIS