30-NOVEMBRO-2018
CHALLENGE CUP: PORTUGUESES
COM TAREFAS DIFERENTES


Foto: CEV

Saldo positivo, mas sorte diferente, para as equipas portuguesas que estão a disputar a Challenge Cup 2018/2019, com vitórias para Sporting CP, SL Benfica e AJ Fonte do Bastardo e derrotas para SC Caldas e Atlético Voleibol Clube Famalicão nos 16 avos-de-final.

Os campeões nacionais do Sporting CP superaram (3-1: 25-19, 25-23, 25-27 e 25-17), em casa, os bielorrussos do Stroitel Minsk, no jogo da 1.ª mão dos 16 avos-de-final.
Na 2.º mão, agendada para o dia 5 de Dezembro, visitam a capital da Bielorrússia (19h00 locais) e precisam apenas de vencer por qualquer resultado, podendo mesmo perder pela diferença mínima para poderem seguir em frente. Ver + info aqui
Todor Aleksiev, com 18 pontos, foi o melhor pontuador do jogo, enquanto Uladzislau Davyskiba, com 18, foi o jogador mais concretizador da equipa da Bielorrússia.
Se passar a eliminatória, o Sporting CP irá defrontar nos oitavos-de-final o vencedor do prélio entre os turcos do Maliye Milli Ankara e do Ziraat Bankasi, antiga equipa de Alexandre Ferreira, capitão da Selecção Nacional.

O SL Benfica, finalista vencido na Challenge Cup em 2015, recebeu e derrotou (3-0: 25-15, 25-23 e 25-23) os helénicos do Iraklis Petosferisi de Salónica.
As águias visitam a Grécia no dia 6 de Dezembro (19h00 locais) e, tal como os leões de Alvalade, precisam apenas de vencer por qualquer resultado, podendo mesmo perder pela diferença mínima para poderem seguir em frente. Ver + info aqui
Rafa Oliveira, pelos encarnados, e Apostolos Armenakis, pelos gregos, foram os melhores pontuadores, com 19 pontos.
Se passar a eliminatória, o SL Benfica irá defrontar o vencedor do encontro entre os romenos do ACS Zalau e do Steaua Bucuresti.

A AJ Fonte do Bastardo, que entrou directamente nos 16 avos-de-final, venceu, na Ilha Terceira, os checos do Volejbal Brno por 3-1 (25-16, 25-23, 23-25 e 25-11).
Renan Purificação, autor de 17 pontos, cotou-se como o melhor pontuador do jogo, seguido do jogador da equipa checa Daniel Rimal, com 16.
O jogo da 2.ª mão está agendado para o dia 6 de Dezembro, em Brno, às 18h00 locais.
Se passar a eliminatória, a AJF Bastardo irá defrontar o vencedor do... SC Caldas x Draisma Dynamo Apeldoorn.

Após uma estreia histórica nas competições internacionais – eliminando, no Golden Set, os suíços do Chênois, de Rui Santos, antigo jogador da Selecção Nacional –, o SC Caldas não foi feliz no jogo da 1.ª mão dos 16 avos-de-final.
Perdeu em casa com os fortes holandeses do Draisma Dynamo Apeldoorn pela margem máxima (0-3: 23-25, 25-27 e 19-25). Na visita ao país das tulipas, no dia 6 de Dezembro (20h00 locais), terá de vencer por 3-0 ou 3-1 e ainda superar o seu adversário no Golden Set.
José Vieira (Calaça) rubricou 19 pontos e foi o melhor pontuador do jogo, com mais três pontos do que o seu adversário Nico Manenshun.
Se passar a eliminatória, o SC Caldas irá defrontar o vencedor do AJF Bastardo x Volejbal Brno.


Foto: Óscar Pinto

Em femininos, o Atlético Voleibol Clube de Famalicão não conseguiu suster o ímpeto das alemãs do Ladies in Black Aachen – com três internacionais holandesas, duas germânicas e uma belga –, tendo cedido por 0-3 (17-25, 16-25 e 16-25) no jogo da 1.ª mão dos 16 avos-de-final da Challenge Cup 2018/2019.
A internacional belga Jodie Guilliams concretizou 13 pontos, mais um do que a Z4 do AVC Victoria Pinto.
A 2.ª mão está agendada para o dia 5 de Dezembro (19h30 locais), no Neukollner Strabe, na cidade de Aachen e o AVC Famalicão terá de vencer por 3-0 ou 3-1 e ainda superar o seu adversário no Golden Set.
Se passar a eliminatória, a equipa famalicense irá encontrar nos oitavos-de-final as vencedoras do Slavia Bratislava (Eslováquia) x Calcit Kamnik (Eslovénia).

Por seu turno, as húngaras do Vasas, de Núria Lopes da Silva, visitam as romenas do UVT Agroland Timisoara no dia 6 de Dezembro (19h00 locais), após a vitória por 3-1 (25-14, 25-15, 22-25 e 25-18), selada com um ataque da central portuguesa, que rubricou 6 pontos no jogo.
Se passar aos oitavos-de-final, o Vasas irá defrontar o vencedor da eliminatória entre o GEN-I Volley Nova Gorica (Eslovénia) e o LP Kangasala (Finlândia).

Árbitros portugueses em acção nas competições internacionais

Vítor Gonçalves
VKC Karlovarsko-Cucine Lube Civitanova, da Pool B, 4.ª Ronda da Liga dos Campeões - masculinos, no dia 19 de Dezembro.
LKS Commercecon Lodz (Polónia) x Savino Del Bene Scandicci (Itália), da Liga dos Campeões - femininos, no dia 5 de Fevereiro de 2019.

Pedro Lopes Pinto
KP Brno x Vencedor do AO Thiras (Grécia) x AEL Limassol (Chipre), 16 avos-de-final da Challenge Cup - femininos, 4 a 6 de Dezembro.

Raquel Portela
Equipa proveniente da Liga dos Campeões x Hypo Tirol AlpenVolleys Haching (Áustria), 16 avos-de-final da Taça CEV - masculinos, 4 de Dezembro de 2018.

Nuno Teixeira
Vitéos Neuchatel Université (Suíça) x Orbita Zaporizhzhya (Ucrânia), 16 avos-de-final da Challenge Cup - femininos, 29 de Novembro de 2018.
Espanha x Letónia, Poule F da 2.ª Ronda de Qualificação para o Campeonato da Europa de Seniores Femininos, 9 de Janeiro de 2019.

Nuno Maia
CV Teruel (Espanha) x Tourcoing Lille Métropole (França), nos 16 avos-de-final da Taça CEV - masculinos, 5 de Dezembro de 2018.

Hélio Ormonde
PAR-KY Menen (Bélgica) x Neftohimic Burgas (Bulgária), 16 avos-de-final da Taça CEV - masculinos, no dia 28 de Novembro de 2018.
ASPTT Mulhouse VB (França) vs Vencedor do Fatum Nyregyhaza (Hungria) x TS Volley Dudingen (Suíça), oitavos-de-final da Taça CEV - femininos, em data a definir.

Mais informações em www.cev.lu  

 
PARTILHA ESTE ARTIGO NAS REDES SOCIAIS